sábado

E depressa acabou..

Sempre nos incentivaram a criar laços, sempre nos ensinaram que a solidão é um estado decadente que nos pode levar à loucura, daí que sempre nos foi dito que termos amizades, no verdadeiro sentido da palavra. Declaramo-as como "nossas amigas", mas esse tipo de amizades que se mantêm conosco ao logo do nosso percurso são pilares, sustentam os nossos medos, e guardam as nossas lágrimas. O problema, resume-se a isto: nós talvez sejamos muito bons a criar novas amizades, mas por vezes somos péssimos a mantê-las. Por vezes quando magoamos alguem, é preferível admitirmos a realidade, do que tentar disfarçá-la. Embora um pedido de desculpas seja sempre dificil, é um pequeno preço a pagar pelo erro cometido. Os sentimentos são um assunto extremamente frágil, e quando se diz precisamente o que não se deve dizer num momento de fragilidade emocional, o resultado pode ser desastroso para ambas as partes. Certos actos não têm desculpa, só podemos esperar que o tempo sare o mal cometido, mas é complicado e desgastante ver uma amizade destruída por causa de actos fúteis e de frases pensadas e ditas no momento, que na altura não nos damos conta das repercussões que podem vir a ter para o futuro da amizade. Por mais que digam que a vida não é complicada, é mentira, a vida é mesmo complicada, nós é que ainda não aprendemos a descomplicá-la.

Sem comentários: