quinta-feira

Não sei do que falo, e também não sei se quero falar!

A Única certeza que posso ter neste momento, é que não tenho a certeza de nada, e muito sinceramente isso assusta-me.
Tenho muitas poucas certezas sobre muita pouca coisa, mas por vezes essas poucas coisas parecem-me incertas.

Tenho uma certeza: gosto de sonhar.

Gosto de dar asas à minha reflexão pessoal, gosto de sentir que consigo comunicar comigo, gosto de me afastar do resto sentado a um canto, enquanto escrevo, penso, imagino, sonho, grito, falo, sim sou maluco, um maluco descontroladamente são, controlo os meus actos mas não a minha imaginação.
Uma das coisas que mais gosto em mim é pensar por mim próprio, nunca seguindo regras ou protocolos de outrem, das poucas coisas que me orgulho é conseguir ser eu mesmo.
Poucas pessoas não gostam do meu feitio, admito que posso ser teimoso, chato, arrogante, gozão, infantil, posso pedir desculpas por certas atitudes que tomo, mas nunca irei pedir desculpas por ser quem sou.

Um dos meus maiores problemas, é pensar, penso em demasiado, preocupo-me em demasiado, dou demasiado valor a certas e determinadas coisas, coisas que podem não ter relevância nenhuma, coisas que podem não ter muito significado, coisas que por vezes passam ao lado.

Não sei do que falo, e também não sei se quero falar!

(desenho: http://andreflaviorocha.blogspot.com/)

segunda-feira

Indesejável Dor..


Indesejável dor que ostento, porque não sais de mim?
Não pedi para te amar, muito menos para te venerar, mas é precisamente que acontece.
A culpa não é minha, sou um mero peão, movem-me por onde querem, simplesmente sigo a linha do destino.
Também não a tracei, singo-me a segui-la, passo por passo, a linha torna-se mais curta, pois a vida não é longa, por várias vezes tropecei, e de certeza que irei tropeçar, só espero que me ajudem a levantar.

Quem me ajuda, meu amigo será?
Quem me ajuda meu amigo é?
Poderá, mas para que tens essa faca na mão?
Ajudas-me com uma, espetas-me com a outra?
Sendo assim prefiro ficar deitado.

Deitado aqui a pensar, a pensar porque penso, penso porque preciso de saber que existo, preciso de saber que cá estou, não preciso que me belisquem para saber que estou vivo, basta-me pensar.
Não consigo deixar de pensar, e ultimamente tenho pensado muito em ti.
Eu amo-te sabias? Claro que sabias, tu sabes, tu sentes, tu pensas, tu raciocinas, é normal que te apercebas, ou não te queres aperceber?
Diz-me o que pensas, o que achas de mim, não me deixes assim, como se por mim apenas sentisses indiferença.
É constragedor não saber o que pensas em relação a mim, eu sinto tanta indiferença da tua parte.

Estou num caos, com uma indesejavel dor que não pedi, da mesma maneira que não tens culpa que não gostes de mim, eu também não tenho culpa de gostar de ti.
Eu só te queria dar um pouco de desprezo, indiferença, dar-te a provar o que me tens dado a beber estes ultimos dias, mas tenho medo de te perder, sinto-me ameaçado quando penso que podes ficar chateada comigo..
Sinto-me destruido, obstruido, desmoralizado, frustrado, confuso, sinto-me.. apaixonado!

Não me consegui explicar, mas sinceramente como se explica o amor?
Como se explica uma paixão?
Como se explica o que sinto por ti, sem me baralhar todo?
Como se explica o que não tem explicação?
COMO É QUE EXPLICO O QUE SINTO POR TI, SE SINCERAMENTE AINDA NEM EU PERCEBI?
COMO É QUE EXPLICO A INDIFERENÇA COM QUE ME TRATAS?

Só me apeteçe pregar! Apre!

Não sei se percebeste, mas eu traduzo: amo-te.


(desenho: http://andreflaviorocha.blogspot.com/)

Estou..

"Desprovido de preconceitos estéticos e ideológicos"

Nepia não estou!

Critica Pseudo-Revoltada

Ok meus amigos, estamos todos a ser alvos de uma vigarice autêntica!
Ora note-se que existe um senhor, que é dono da maioria dos terrenos onde o aeroporto vai ser construido, que disse recentemente numa entrevista, que vai ganhar 500 milhões de euros pelos terrenos em causa!
Se isto ganha moda, daqui a uns tempos vamos começar a ver muito boa gente com placares no quintal com o seguinte anúncio: "Exelente oportunidade para Aeroporto!!"
Pensado bem para que queremos mais um aeroporto? Cujo investimento deve ultrapassar em MUITO vários milhões de euros?
E para ajudar à festa, ainda vamos ter um projecto muito ambicioso (ou não), o nosso querido TGV!
Qual é a ideia de termos um comboio de alta velocidade com um custo absolutamente ridiculo, que podia muito bem ser utilizado para o desenvolvimento económico do pais? É para termos velocidade suficiente para chegarmos AINDA mais depressa à cauda da Europa?
Nós precisamos de melhorar o ensino, nós precisamos de desenvolver o turismo em Portugal (para algum turista que por aqui passe, Faro não é Portugal!) precisamos de descer o nível de ignorância que estamos a passar neste momento, eu sinceramente tenho vergonha de viver num pais com ideias como esta!
Portugal precisa de ideias novas, precisa de alguem que se decida a fazer algo, que tenha força de vontade e colhões suficientes para mexer na merda, para conseguir criar produto interno bruto.
Precisamos de investir mais em Portugal, precisamos de dinamizar mais a nossa indústria, precisamos também de força de vontade, algo que tem diminuido com o passar do tempo.
Temos que começar a ser vistos, como vemos os restantes países da União Europeia! Precisamos de destreza, precisamos de dinâmica, precisamos de atitudes, ideias temos muitas, conclusão temos pouca.
Não queremos candidatos que com a idade que têm são rejeitados em todos os "lares" em Portugal devido à sua idade "excessiva"!
Qual é a ideia do Senhor Soares? Desfazer a merda que fez? Agora não dá, e caso ele não se tenha dado conta, o viagra não vai levantar de todo as finanças de Portugal.
Não tenho nada contra o Senhor Soares, ou qualquer outro candidato, mas não acho justo quererem voltar à presidência para satisfazer caprichos pessoais.

A verdade é esta, estamos na merda, e precisamos de uma grande descarga de àgua para desentupir a nossa actual economia estagnada, e não creio que brincar aos aviões e comboios seja o melhor meio para isso..

"Se eu governasse o país e o governasse como governo a minha empresa, isso [Ota e TGV] não passaria no Comité de Finanças júnior" (Belmiro de Azevedo)
(mais info)

Secalhar..


Secalhar sofres por amor..
Secalhar és branco..
Secalhar és preto..
Secalhar és adolescente..
Secalhar tentas mostrar mais do que realmente és..
Secalhar tens medo..
Secalhar tens fomes..

Secalhar tens medo de sofrer, tens medo da solidão, tens medo de não ter uma mão amiga, talvez tenhas apenas muitas supertições ou és apenas muito complicado, poderás ser um pouco simples, mas secalhar não és nem uma coisa nem outra, secalhar não sabes bem como és, secalhar ainda não te encontraste a ti mesmo, secalhar sentes-te frustrado, secalhar o amor não é aquilo que pensavas que seria, se calhar estás à procura de algo, secalhar devias dar tempo ao tempo, secalhar devias ser mais arrogante, secalhar devias dizer mais vezes "não"..

Secalhar.. és humano!


(desenho: Pablo Picasso - Amizade)

Apetece-me escrever..


Sobre o quê não sei, mas epa apetece-me.. não tenho ninguem ao meu lado para falar, mas preciso de desabafar com alguem, pode ser contigo? Ninguem te obriga a ouvires-me, basta leres, e ler não custa, ou custa?
Muito sinceramente não sei o que vais ler daqui para baixo, porque nem eu sei o que vou escrever.

Deves pensar que sou um lamechas não é? Porque estou sempre a queixar-me dos meu 'problemas amorosos', da minha cobardia em relação a isso, da minha falta de capacidades de ir em frente no amor, de me apaixonar quando alguem me dá um pouco mais de liberdade do que é habitual, se é esse o caso porque estás a ler isto?

De certeza que tens os teus problemas, e de certeza que ao saberes dos meus não te vai ajudar em nada.
De certeza que não queres saber dos meus falhanços amorosos, porque a maioria das vezes que escrevo é sobre mim (serei egocêntrico) , poderei ser aclamado de romântico, mas eu prefiro ser chamado de cobarde (lá estou eu a repetir-me), mas é assim que me sinto, e é assim que me vejo, e por mais o diga - embora não mude nada - faz-me sentir bem comigo mesmo, porque estou a admitir algo que ninguem admite. Sou um fraco, um falhado, sou alguem que não tem sorte, ou que simplesmente alguem sem destino.
Fui fruto de um 'erro', não era para tar aqui, supostamente deveria ter sido abortado à 17 anos atrás, mas cá estou eu.
Não estava nos planos de ninguem, nem mesmo de Deus, daí que digo que não tenho destino, porque eu não fui destinado.
Não estou destinado a amar ninguem, nem a ser amado, sou simplesmente mais um peão que por aqui anda, sem alma, pois não tenho destino, a não ser morrer, mas isso está destinado a todos nós.
Mas se estou destinado a morrer, logo tenho algum tipo de destino.
Porque estou a falar do meu destino? Tu não queres saber disto, podia voltar a repetir-me e falar sobre a minha cobardia, mas tanto eu como tu estamos farto desse assunto. Ou não, sinceramente não me vou fartar de dizer que sou cobarde, cobarde, cobarde, cobarde, cobarde, cobarde..

Basicamente sou um aborto cobarde sem destino. Sinto-me orgulhoso!

(desenho: http://andreflaviorocha.blogspot.com/)

FODA-SE!


Vou escrever o que está na minha cabeça, preciso de expelir isto de alguma maneira..

Ai Ai Ai Ai Ai Ai.................................................

Foda-se.. és sempre a mesma merda de homem!! Faz-te à vida puto!

Viste bem pelo que passaste?
Foste humilhado, rebaixado, e em vez de lhe dizeres o que sentes por ela, em vez de impedires aquela situação, caiste num mar de lágrimas.. ÉS UM INÚTIL!




Não aprendes? Será que já não estás farto de ser espezinhado?
Viste quem viste ali a fazer aquilo que tu sabes muito bem que viste, mesmo NA PUTA DA TUA CARA.. e que fizeste?

NADA!

Cobarde, Inútil, Fraco!!!!

É bem feita que estejas a sofrer, sofre ai otário, sofre porque se estás a sofrer a culpa é tua, e não dela, SIM TUA! Não faças essa cara de parvo, a culpa é toda tua, tens medo do "não"? Devias ter mais medo de sofrer do que do não..
Porque fazes isso a ti mesmo Pedro? Custa-te tanto sofreres assim..

Foda-se pá.. ainda por cima dizes estas coisas a ti mesmo, e chegas ao cúmulo de teres que desabafar sozinho, aqui.. não tens ninguem quando precisas, mas estás lá sempre quando alguem precisa..
Já estás farto de ser "o tal amigo", aquele que ouve o que ela tem para dizer, que diz o que ela quer ouvir, que a apoia, que a leva a beber cafézinhos quando ela precisa de sair..

JÁ TE ESTÁS A REPETIR!!! E PORQUÊ ?!?! PORQUE NÃO SABES FAZER MAIS NADA A NÃO SER LAMENTAR-TE!!

Cobarde....................................

Sentes-te tão mal contigo mesmo... podia dizer-lhe a amas.. se calhar é um pouco cedo mas.. é o que sintes..
Estás para ai num mar de lágrimas, a pensar nela..
Suspiras cada vez que a vejo, ficas ansioso quando não estás com ela, respiras mais devagar quando ouves a voz dela.. 'derrestes-te' todo quando ela te toca, estás completamente apaixonado por ela.. não tens coragem de lhe dizer o que sentes, mas achas que vais ter coragem para aguentar isto muito mais tempo?

Ficaste incapacitado de tomar qualquer acção, não quiseste acreditar que aquilo estava a acontecer, simplesmente achaste que ela não era capaz de fazer aquilo, e pensaste "que cara podre", ficaste todo fodido, ficaste irritado, muito irritado mesmo.. mas ao mesmo tempo ficaste incapacitado de tomar qualquer acção..
E depois vens para aqui escrever o que sentiste, o que se passou, quando podias ter-lhe dito tudo isto..

O que tens a dizer para além disto? O que tens a afirmar para além disto?
Nada não é.. tens que tomar uma acção.. tens que tomar um partido.. não podes continuar assim.. se não lhe disseres o que sentes, quando a vires com outro que sabes que não lhe vai dar e não a vai respeitar como tu sabes que o fazias, vais-te sentir muito pior.. já te sentes um monte de merda, um inútil, mas apenas tu podes mudar o que sentes neste momento, apenas tu podes resolver esta situação, independentemente do "Não" ou do "Sim", é da maneira que fica tudo resolvido.
Claro que sabes que se ela disser "Não", vais sofrer por algum tempo, mas vais tentar esquecê-la, ou melhor vais mesmo ter que a esquecer, vais ter que deixar de criar expectativas entre tu e ela, vais ter que olhar para ela e ver apenas uma amiga.
O problema disto tudo, é criares tantas expectativas sobre alguem que a partir do principio não sabias o que esperar..
Não te arrependas de escrever isto, ou de seres como és, não tens culpa de ser tão sentimental, de criares tantas expectativas, tu sabes que se aprende com os erros, o problema é que estás a errar vezes de mais Pedro..
Tu amas ela, e neste momento só querias que ela te visse como algo mais do que um amigo..

Não te repitas mais, não digas mais nada, embora queiras continuar a escrever sobre o mesmo, e a dizer tudo outra vez de mil maneiras diferentes, mas não vale a pena, por mais que escrevas o que sentes, o que sentiste, não vai mudar nada, a não ser que a enfrentes com a verdade, precisas de lhe dizer o que sentes, para te sentires mais aliviado, sabes que quando lhe disseres o que sentes vais tirar um peso de cima de ti - um peso enorme por sinal - por isso do que estás à espera? Vais-te magoando cada vez a cada dia que passa, sabendo que ela não sabe o que sentes por ela e que a qualquer instante podes perdê-la.. mesmo que não a 'tenhas' a pior coisa que te podia aconteçer era vê-la com outro.. como já te aconteçeu uma vez.. tu lembras-te, tu sabes como é, tu sabes o que sentiste, tu sabes por aquilo que passaste por não teres coragem de lhe dizer o que sentias.. passaste por isso mais do que uma vez, queres passar por isso tudo outra vez?

Bem me parecia que não..

(desenho: http://andreflaviorocha.blogspot.com/)